top of page

COLABORAÇÕES

EMARANHADO

um filme do Coletive Danças em Transições

A partir de uma residência artística online liderada por Pol Pi no Centro Cultural de São Paulo, criamos o Danças em Transições, um coletivo queer e uma plataforma de criação híbrida entre 10 artistas brasileiros trans, bixas e não-bináries. Uma plataforma de resistência e solidariedade que se mostrou fundamental em nossas vidas durante a vivência coletiva do distanciamento pandêmico. O que essa coletividade pode nos dizer sobre a transformação dos seres e dos mundos? A teia dramatúrgica de EMARANHADO, nosso primeiro filme, foi tecida a partir da captação de encontros virtuais e da produção individual de materiais audiovisuais entre fevereiro e agosto de 2021. Não é uma dança filmada ou um documentário, mas um filme cujo formato nasceu do nosso desejo de compartilhar práticas criativas e modos de existência. Nesse processo, embarcamos no desafio de questionar a linguagem audiovisual através de nossos olhares desconstrutivos, de encontrar nosso próprio caminho, efêmero como nossas danças e nossas existências, de filmar e ser filmados. A partilha de práticas e processos tem sido assim vista como um trabalho, porque o que nos interessa e nos move é precisamente este espaço transitório de reinvenção que questiona os próprios formatos a que estamos habituados como “resultados” validados no quadro da dança contemporânea e desempenho. Criação, performance e captação de imagens: Adda Risoppe, Alan Athayde, Brisas Project, Fabi Ferro, Ernesto Filho, Fernanda Silva, Ian Habib, Kaetê Okano, Patfudyda, Pol Pi, Reginaldo Oliveira Mediação e provocações: Pol Pi Dramaturgia: Projeto Brisas, Fabi Ferro, Ernesto Filho e Pol Pi Edição: Ernesto Filho Trilha sonora: Adda Risoppe, Alan Athayde, Brisas Project, Ernesto Filho, Kaetê Okano e Pol Pi Cor: Vicente Otávio Design digital: Projeto Brisas Foto da capa: Kaete Okano Legendas (português e inglês): Letícia Cherobim Redes sociais: Projeto Brisas, Fabi Ferro e Kaetê Okano Imprensa: Ian Habib Produção: Danças em Transições Gerente de produção: Pol Pi Produtores executivos: Fabi Ferro e Ian Habib Produção: Panorama Festival Ano: 2021 Danças em Transições co-produtores: Ballet National de Marseille, Latitudes Contemporaines e La Briqueterie Co-produtores do Panorama Raft: Panorama Festival, Bates Dance Festival, CAC Centre for Contemporary Art, National Choreographic Centre of Caen in Normandy, Charleroi Danse, DanseHallerne, FTA - Festival Transaméricas, Gessnerallee, HAU Hebbel am Ufer, In Between Time, PACT Zollverein , Pontos Comuns - Novo Palco Nacional de Cergy-Pontoise / Val d'Oise, SESC São Paulo, Teatro Municipal do Porto, Trajal Harrel / Tickle the Sleeping Giant Inc., Hyperjetlag Arts, Voo?uit, Walker Art Center Apoio: Museu de História e Arte Transgênero (Mutha Brasil) e Centro Cultural de São Paulo (Sonia Sobral) Agradecimentos: Sônia Sobral, CCSP, Eneida Guerreiro, Renata Ferrão Arruda, Miguel Habib, Bureau Aziz de Contabilidade, Rodolfo Sertori, Julia Feldens, Fudida Silk, Bianca Kalutor, às nossas casas. Para e para as florestas. Todos. Teaser: https://www.youtube.com/watch?v=LGXOCGgWJvs

PROJETO 2

Aqui vai a descrição do projeto Aqui vai a descrição do projeto Aqui vai a descrição do projeto

bottom of page